sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Quando o verão chegar

Onde está o verão
Que não chega sem você
O tempo todo é só nevar
Lágrimas do coração
Só o tempo pra dizer
Quando o verão chegar
Eu vou te amar

Onde está a verdade
Que vive ao lado do amor
Sem te encontrar
Tão longe da saudade
Ouvindo esse louvor
Esperando o verão chegar
Só Para poder te amar

quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Tatuagem

Chegou tão de repente
Tão você quanto eu
Foi tão surpreendente
Algo bom aconteceu
Eu não consigo te deixar
Eu não posso ver o mundo
Sem deixar que um segundo
Viva sem poder te amar
Foi assim feito uma rosa
Quando nasce no jardim
Jeito delicado e charmosa
É o seu jeito todo em mim

Então não me diga nada
Nem precisa, eu sei bem
Como tatuagem estampada
Na sua alma e na minha também
Talvez seja perigoso viver
Todo esse desejo, esse calor
Mas é tudo lindo no amor
Você em mim, eu em você.

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Doce forma de amar

Eu sei o que você sente
Eu sei do seu medo
Das aflições e das perdas
O seu sorriso é lindo
Os seus olhos são tão negros
Com um tom avermelhado
(Sorrisos) eu estou aqui e eu vejo
Vejo que voar é pura mágica
Ilusão de amor sonolento
De um desejo de chegar ao êxtase
Apenas por um instante
Quando soprar o vento
O passado volta no tempo
O segredo é pensar e ser real?
Penso que amo e amo?
Esqueço o mundo e esqueço?
Seus olhos vêem o que eu vejo
Seus sonhos são meus sonhos
Mas o amar é inexplicável
Na mais doçura forma de amar
Inocente, preciso, inevitável.

domingo, 8 de dezembro de 2013

Apenas quem eu sou


Sem perceber o mundo
Somos acorrentados loucos
Numa nostalgia indefinida
Sem querer num sono profundo
A sociedade é bem relativa
Como homem e mulher
Meio sem passado, quase sem futuro
Com oportunidades sem saber o quer

Eu quero ser o inverso
Dessa maluca sociedade 
Dos sonhos sem nexos 
De leis sem liberdade
Em busca de um vento
Que nunca me passou
Num buraco negro sem tempo
Quero ser apenas quem eu sou

sábado, 7 de dezembro de 2013

Amor amizade


Existe um amor verdadeiro
Aquele que nunca se esquece
Um tipo que é para o der e vier
Sem intenção, e com todo o valor

Quem se engana, engana
Se mostra fiel e é vil
Da boca pra fora é bonito
Com o tempo se inflama

Já esse amor é de lealdade
Não se abala em dias negros
Se torna forte, é feito de luz
Esse amor é chamado de amizade

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Tua vida me da vida


Tua alma são versos
Inspira a minha poesia
Tua vida colore o dia
As flores, o Sol, o céu
Eu sou como um caderno
Onde são colocados
Todos os seus sorrisos
Os seus desejos mais íntimos
Tua vida me da vida
A minha perfeita fantasia
Tua alma me abraça
Sinto quando me toca
Os meus olhos brilham
Sou quem sou assim
E ao mesmo tempo sou você
Na mais linda sincronia.

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Chame a Deus, chame a Deus

Olha em volta, tudo parou
O que será que aconteceu
Faça perguntas a si mesmo
Porque o seu Sol não apareceu
As ilusões dominam o seu olhar
O seu coração se sente aflito
As suas sombras quem te guiam
Até perdeu o dom de sonhar

Mas acredite,  o seu Sol esta aqui
A sua alma não deve se fechar
Deixe o coração dominar
Entregue toda  essa situação
Chame a Deus, chame a Deus
Os seus anjos virão
A sua noite de estrelas vai clarear
E o Sol que se escondia vai surgir

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Senhor Deus


O teu sorriso resplandece
No meu olhar
O meu coração sempre chama
O teu nome

O meu maior prazer
É poder te encontrar
Toda noite, todo o dia
Em todo o lugar

A minha alma sente
A tua presença
A semente no meu coração
Do teu amor, senhor Deus

A vida se esvazia


O que eu mais queria
Ser de novo menino
Correr na rua como eu corria
Tanta coisa eu queria
Tudo o que eu fazia
Quando sentia a vida vivida

Porque o sol precisa esconder
Se no outro dia ele tem que nascer
Assim o tempo passa sem a gente ver
Eu só queria fazer de novo
Tudo o que eu fazia
Sem perceber que a vida se esvazia.

O tempo inteiro


Quando encontro a saudade
Deixo me levar ao longe
Onde estava perdido 
Todo instante tão bonito
O dia parece voar
Nas asa do vento
As tempestades são lágrimas
Águas que não voltam pro mar
A vida é passageira
Como nuvens no ar
A saudade é o tempo inteiro
Como as ondas do mar
Eu só queria mergulhar
Entre as nuvens poder voar
Fazer da vida um tempo inteiro
E a saudade só na poesia
Onde eu possa apagar...